O Curso

Desde 2014 o Tribunal de Contas da União vem medindo o Índice de Governança e Gestão em Contratações (IGovContrat). Em 2018, ao avaliar 498 organizações públicas, constatou que ainda é incipiente o nível de capacidade das organizações respondentes em gerir suas aquisições e contratações, visto que 41% delas estão no nível inexistente ou inicial de gestão e governança. 

Contudo, o dado mais alarmante foi o relativo à capacidade das organizações em monitorar o desempenho da gestão de contratações, sendo que 73% delas estão no nível inexistente ou inicial de gestão e governança. 

Essa falta de monitoramento do desempenho leva as instituições a aplicarem seus recursos financeiros de forma ineficiente, receberem serviços de má qualidade, terem um enorme retrabalho na área de licitações e, na pior das hipóteses, terem seus agentes responsabilizados por má gestão dos recursos públicos. 

Os indicadores de desempenho contribuem para mensurar as ações da organização, definindo se estão ou não entregando bons resultados. Nesse sentido, podem ser vistos como um termômetro que avalia o grau de sucesso nas licitações e gestão de contratos. Por essa razão, o Decreto 9.203/2017, que dispõe sobre a política de governança da Administração Pública federal direta, autárquica e fundacional, determina que os resultados devem ser monitorados e que as soluções de melhoria devem ser apresentadas baseando-se em evidências. 

O desenvolvimento de bons KPIs (Key Performance Indicators) permite à organização identificar onde estão seus problemas internos, possibilitando o aperfeiçoamento de suas operações. Quando se tem indicadores de desempenho efetivos, aumenta-se a eficiência e eficácia na aplicação dos recursos humanos e financeiros. 

O curso tem como objetivos possibilitar a compreensão do que são e para que servem os indicadores de desempenho, quais os instrumentos a serem utilizados na criação e monitoramento de indicadores, bem como possibilitar aos participantes uma experiência prática de elaboração de indicadores, considerando a realidade de suas organizações. 

Quem deve participar
  • Servidores e gestores da Administração Pública federal direta, autárquica e fundacional que necessitem criar metas e indicadores de desempenho, preferencialmente aqueles que atuam na área de licitações e contratos, bem como agentes públicos da Administração Pública estadual e municipal que busquem conhecer a lógica envolvida no monitoramento de resultados organizacionais. 

Metodologia
Em ambiente virtual e interativo, utilizando a plataforma ZOOM, com projeção de slides. Será sempre reservado espaço para solução de dúvidas e análise de comentários feitos pelos participantes no chat.
Resultados para os participantes

Ao final do treinamento, os participantes terão conhecimento teórico e prático necessários para criar e monitorar indicadores de desempenho na área de licitações e contratos. Utilizando modelos que serão disponibilizados aos participantes, aliados aos dados já existentes na organização, todos terão condições de: 

Compreender o que são indicadores
Compreender para que servem os indicadores
Conhecer os principais atributos de bons indicadores de desempenho
Conhecer a classificação de indicadores de desempenho institucional
Compreender os instrumentos para elaboração de indicadores de desempenho institucional
Conhecer os fundamentos que permitem melhor gerenciamento sistema de medição
Construir indicadores de desempenho que possam ser aplicados de forma imediata em suas organizações
Descrever a forma de levantamento de dados e fórmulas de cálculo dos indicadores
Aplicar e medir os resultados medidos
Programação
14:00 – 18h00

Referências Conceituais

Professor: Rafael Mota

Conteúdo

  • Visão geral sobre dados, informações e indicadores
  • Indicadores de desempenho institucional
  • Papel dos Indicadores
  • Atributos dos bons indicadores
  • Classificação de Indicadores nos níveis de esforço e de resultado
14:00 – 18h00

Construindo KPIs

Professor: Rafael Mota

Conteúdo

  • Critérios para construção e seleção dos indicadores
  • Como estabelecer metas
  • Como interpretar os resultados dos indicadores
  • Limitações e Riscos no Uso de Indicadores
14:00 – 18h00

Exercícios Práticos

Professor: Rafael Mota

Conteúdo

  • Construção de dois indicadores de desempenho
  • Como catalogar os indicadores criados
  • Ferramentas de Business Inteligence e os indicadores de desempenho
  • A Nova Lei de Licitações e Contratos e os indicadores de desempenho
Instrutor
Rafael Soares Mota

Graduado em Ciências Contábeis pela UnB. Pós-Graduado em Gestão Pública pelo IBMEC. Gerente de Licitações e Contratos da Agência Nacional de Transportes Aquaviários – ANTAQ – desde 2018. Antes, foi Pregoeiro, Presidente da CPL, Secretário-Substituto de Planejamento Estratégico e Coordenador-Substituto de Cadastro e Pagamento. Na iniciativa privada atuou como auditor da multinacional PricewaterhouseCoopers e como trainee da AMBEV. Instrutor da Escola da AGU. 

Investimento

R$ 1.190,00

(um mil, cento e noventa reais)

*Conheça as condições diferenciadas para maior número de inscrições

Informações

Realização: 18 a 20 de maio de 2021
Horário: das 14:00 às 18:00
Carga horária: 12 horas
Material Didático e Certificação: O participante receberá apostila em PDF e material complementar.
Forma de Acesso: Após a confirmação da inscrição, em até 24 (vinte e quatro) horas da data de realização do curso, o participante receberá instruções de acesso ao ambiente virtual e plataforma da videoconferência.

Empenho & Pagamento

GVP Consultoria e Treinamento em Gestão Pública Ltda.

Rua Marcílio Dias 622, sala 101, bairro Santo Antônio, Joinville, SC, CEP 89.201-330

CNPJ: 16.578.531/0001-04

I.E.: isenta

I.M.: 117422; 117423; 117424

Banco do Brasil
Agência 1622-5
Conta Corrente 29.219-2

*Condições: o cancelamento da inscrição deverá ser realizado em no máximo 05 dias úteis antes da data de realização do evento. Após este prazo, deverá ocorrer a substituição do participante ou a solicitação de crédito no valor da inscrição para utilização posterior. Por motivos operacionais ou por falta de quórum, a GVP Parcerias Governamentais reserva-se no direito de adiar, alterar a programação ou o palestrante, sem aviso prévio, por questões e razões de ordem superveniente. A inscrição será confirmada mediante envio da nota de empenho, ordem de serviço, autorização, depósito ou outra forma de comprovação do pagamento. Cada link/senha de acesso à sala de aula virtual é exclusivo do aluno participante e não deverá ser compartilhado com terceiros. É proibida a captação de som e imagens da aula e seu compartilhamento por quaisquer meios ou mídias.

**Requisitos para uma boa experiência com o evento: • Computador: Processador i3 – 3Ghz • Memória: 4GB RAM • Browser: Chrome ou Internet Explorer • Banda larga: 3 Mega – conexão via cabo (preferencialmente) ou wi-fi. A GVP Parcerias Governamentais não se responsabiliza por falhas e problemas de conexão dos equipamentos utilizados pelo usuário.