A compra pública e o poder da linguagem: como você se comunica?

Falei outro dia sobre a plain language nos editais. Quero continuar com a provocação, para que possamos repensar a comunicação que envolve a contratação pública. É claro para nós, em relação ao processo de contratação pública, que ele é multidisciplinar; possui fases com objetivos próprios; seja em estruturas maiores ou menores, há participação de diversos atores; o…

Ranking de fornecedores públicos. Você já ouviu falar?

O ranking de fornecedores é uma estratégia utilizada pelas gigantes do mercado privado para reduzir riscos e custos nas transações. Os fornecedores são selecionados a partir de certos critérios, os quais também garantem um perfil alinhado à missão e aos valores da organização. Seu desempenho é avaliado periodicamente e o ranking, atualizado. Como consequência, há o aumento do…

Nem só de disrupção vive a inovação!

No post anterior, falei que a Compra Pública 4.0 tem a ver com inovação. Este assunto deve ser explorado de uma forma produtiva, evitando discussões retóricas ou demasiadamente técnicas, focando nas mudanças que buscamos. Só assim seguiremos em frente. Para começar, precisamos de um “marco zero”, ou seja, de uma definição para inovação. Perdoem-me, mas…

Ilegalidade da pesquisa de preços em contratação por inexigibilidade de licitação

*Artigo escrito em co-autoria com Ronny Charles Lopes de Torres Recentemente, o Acórdão no 2.280/19, da Primeira Câmara do TCU, gerou discussão ao divulgar o entendimento de que “a realização de cotação de preços junto a potenciais prestadores dos serviços demandados, a fim de justificar que os preços contratados estão compatíveis com os praticados no…